18 fevereiro 2017

2.ª sessão da Escola Sindical, Fevereiro de 2017

Durante a tarde, o Curso da Escola Sindical do Instituto Ruben Rolo subordinado ao tema "Salário mínimo nacional e contratação colectiva em Portugal e na Europa" contou com o Carlos Trindade como orador, Presidente da Direcção do Instituto Ruben Rolo e Secretário-Geral da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN.
Carlos Trindade, Vivalda Silva e Reinhard Naumann
Carlos Trindade abordou o recente acordo da concertação social: TSU e o PEC e elencou matérias onde a CGTP-IN poderia conseguir ganhos para os trabalhadores se realmente se envolvesse numa negociação séria com consequências positivas para a classe trabalhadora e para os sindicatos.

Mais uma vez houve trabalho de grupo seguido por debate moderado por Vivalda Silva do STAD e da Comissão Executiva da CGTP-IN.

Grupo 1 foi moderado por Ludovina Sousa

Eduardo Teixeira, relator do Grupo 1

Grupo 2 foi moderado por Cláudia Andrade

Armindo Carvalho, relator do Grupo 2

Grupo 3 foi moderado por Pedro Furtado Martins

Mário Castro, relator do Grupo 3

1.ª sessão da Escola Sindical do Instituto Ruben Rolo

Decorreu durante o dia de hoje, no Hotel Vip Zurique, em Lisboa mais uma edição dos Cursos da Escola Sindical do Instituto Ruben Rolo subordinado ao tema "Salário mínimo nacional e contratação colectiva em Portugal e na Europa".

A sessão da manhã contou com as intervenções de Reinhard Naumann (Fundação Friedrich Ebert) que analisou a problemática do Salário mínimo nacional e contratação colectiva na Alemanha com ligação à situação de Portugal.

O Amílcar Ramos, activista social, abordou o salário mínimo e contratação colectiva em Portugal.

Após as apresentações em plenário foram formados os grupos de trabalho e indicados os moderadores.
Reinhard Naumann, Amílcar Ramos e Fernando Jorge
Após o trabalho em grupo, os relatores apresentaram em plenário as conclusões, com o debate a fazer-se moderado por Fernando Jorge, da Direcção da Corrente e membro da Comissão Executiva da CGTP-IN.

Grupo 1 foi moderado por Eduardo Teixeira

Cláudia Andrade, relatora do Grupo 1

 Grupo 2 foi moderado por Maria Filomena Correia

Vivalda Silva, relatora do Grupo 2

 Grupo 3 foi moderado por Mário Castro

Ludovina Sousa, relatora do Grupo 3

17 fevereiro 2017

Uma Europa solidária é possível, Conferência a decorrer no Hotel Plaza em Lisboa

Está a decorrer no Hotel Plaza em Lisboa a Conferência Internacional subordinada ao tema "Uma Europa solidária é possível"

A Conferência contou com a participação na sessão de abertura de representantes das instituições organizadoras, nomeadamente, Reinhard Naumann (Fundação Friedrich Ebert), Fernando Jorge Fernandes (Instituto Ruben Rolo) e Pedro Silva Pereira (Fundação Res Pública).
Reinhard Naumann, Pedro Silva Pereira, Fernando Jorge Fernandes e Klaus Busch
O primeiro orador da Conferência é Klaus Busch da Universidade de Osnabrück que aborda o tema "Uma Europa solidária é possível".

No segundo painel sobre "Políticas solidárias a nível nacional e na União Europeia" usaram da palavra João Paulo Correia, deputado do Partido Socialista e Fernando Gomes do Instituto Ruben Rolo e do Secretariado e Comissão Executiva do Conselho Nacional da CGTP-IN.
João Paulo Correia, Brígida Batista e Fernando Gomes
O debate foi moderado por Brígida Batista dos órgãos da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN e do Sindicato dos Professores da Grande Lisboa (SPGL).

13 fevereiro 2017

Conferência internacional, Uma Europa Solidária é Possivel

Lisboa, 17 de Fevereiro de 2017
Hotel Lisboa Plaza (Sala Eça), Travessa do Salitre (Metro “Avenida”)
Programa
17h45    Abertura
Reinhard Naumann (Fundação Friedrich Ebert, Lisboa) 
Fernando Jorge (Instituto Ruben Rolo, Lisboa)
Pedro Silva Pereira (Fundação Res Publica, Lisboa)

18h10    Uma europa solidária é possível
Klaus Busch (Universidade de Osnabrück)

18h30    Debate
19h15    Políticas solidárias a nível nacional e na União Europeia
João Paulo Correia (Assembleia da República, Lisboa)
Fernando Gomes (Instituto Ruben Rolo, Lisboa)

              Moderação: Brígida Batista (SPGL - Sindicato dos Professores da Grande Lisboa)
20h00    Debate
21h00    Encerramento
Será providenciada tradução simultânea (Alemão - Português). A entrada é livre.
Inscrições: Fundação Friedrich Ebert, Tel. 21 357 33 75, Fax 21 357 34 22
Os oradores
Klaus Busch é economista e Professor emérito da Universidade de Osnabrück (Alemanha). Desde os anos 90 intervém de forma activa no debate político e científico sobre a construção de uma Europa social e solidária. É conselheiro em assuntos europeus da direcção nacional do maior sindicato de serviços na Alemanha, VER.DI.
João Paulo Correia é gestor e desde 2009 é Deputado à Assembleia da República. Nesta legislatura coordena o Grupo Parlamentar do PS na Comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa e na Comissão Parlamentar de Inquérito à Recapitalização da Caixa Geral de Depósitos e à Gestão do Banco.

Fernando Gomes é membro da Direcção do Instituto Ruben Rolo, do Secretariado e Comissão Executiva do Conselho Nacional da CGTP-IN. Coordena a Comissão de Trabalhadores do Grupo Pestana Pousadas e faz parte da direcção da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN.

30 novembro 2016

II CONGRESSO EUROPEU DE DIREITO DO TRABALHO

Vai decorrer a 02 e 03 de Dezembro de 2016 na Reitoria da Universidade Nova de Lisboa o II Congresso Europeu de Direito do Trabalho. Os interessados podem inscrever-se até dia 01 de Dezembro.

17 novembro 2016

Debate sobre a Concertação Social: entre interesses e visões estratégicas

A partir da leitura das atas da Comissão Permanente da Concertação Social, exercício nunca antes feito em Portugal, o Caderno do Observatório sobre Crises e Alternativas, intitulado “A atividade da CPCS de 2009 e 2015: ecos das políticas europeias”,aborda aquele período e conclui que o peso da agenda governamental naquele órgão institucional, opção inscrita desde a sua criação, transmutou-se numa supremacia dos assuntos e das agendas determinadas pelas instâncias comunitárias, em desvalorização de uma discussão mais específica de temas prementes para uma estratégia nacional, muitos vezes reclamada pelas confederações.

É a partir deste mote que o Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra/ Observatório sobre Crises e Alternativas desafiou dois dos principais intervenientes nesse diálogo, António Saraiva (presidente da CIP) e Arménio Carlos (secretário-geral da CGTP), a refletir sobre as principais tendências da Concertação Social em Portugal e sobre o contributo que este corpo institucional do diálogo social poderá dar para o desenvolvimento do país.

23 de Novembro de 2016, 16:30 horas, Casa do Alentejo
(Rua das Portas de Santo Antão, 58 | Lisboa)


Programa

Breve apresentação do Caderno A actividade da CPCS de 2009 e 2015: ecos das políticas europeias, por Manuel Carvalho da Silva (Coordenador do CES/Lisboa).

Mesa Redonda com:

António Saraiva (Presidente da CIP – Confederação Empresarial de Portugal)

Arménio Carlos (Secretário-geral da Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses) 

Moderador: António Casimiro Ferreira (Professor da FEUC/Investigador do CES)

24 outubro 2016

Sessão de encerramento do XIII Congresso da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN

A Sessão de encerramento do XIII Congresso da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN, presidida pelo Presidente da Mesa do Congresso, Fernando Jorge Fernandes, contou com a presença de vários convidados com quem a Corrente se relaciona, tanto ao nível político como ao nível sindical.

Antes das intervenções a Corrente entregou à Secretária-Geral Adjunta do Partido Socialista, Ana Catarina Mendes, um conjunto de inscrições no PS, que reforçam o Partido mas que também reforçam a CSS da CGTP-IN.

Aqui fica a lista das saudações ou intervenções que ocorreram na sessão de encerramento:

Fernando Gomes
Agradecimentos e boas vindas

Saudações

Francisco Alves
Corrente Sindical do Bloco de Esquerda da CGTP-IN

João Torres
Secretário-Geral da Juventude Socialista


Intervenções Finais

Reinhard Naumann
Director da Fundação Friedrich Ebert em Lisboa

Carlos Silva
Secretário-Geral da Tendência Sindical Socialista do PS

Wanda Guimarães
Secretária Nacional do PS para o Trabalho

Carlos Trindade
Secretário-Geral da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN

Ana Catarina Mendes
Secretária-Geral Adjunta do Partido Socialista

XIII Congresso da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN (2.ª Sessão)

A 2.ª sessão do Congresso, que decorreu domingo pela manhã, continuou o debate em torno da resolução sobre a situação politico-sindical e as posições e orientações da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN.

Muitos foram os temas abordados, desde o relacionamento da Corrente com a CGTP-IN e o Partido Socialista até às questões da resolução dos problemas concretos dos trabalhadores, a necessidade de acompanhamento permanente dos locais de trabalho.

Quanto à organização da Corrente foram apontados os objectivos para o futuro, nomeadamente, na organização da Corrente ao nível dos Sindicatos e Regiões. 

Fernando Gomes anunciou a criação em breve dos núcleos de Braga e Porto e a respectiva eleição dos secretariados.

XIII Congresso da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN (1.ª Sessão)

Decorreu em Lisboa a 22 e 23 de Outubro o XIII Congresso da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN.

Com o lema:
POR UM PORTUGAL DESENVOLVIDO, DEMOCRÁTICO E DE ESQUERDA
 NUMA EUROPA SOLIDÁRIA 

Por um Sindicalismo Autónomo, Democrático e Reivindicativo


A mesa do Congresso foi presidida por Fernando Jorge Fernandes e constituída por membros dos órgãos da CSS da CGTP-IN e convidados da organização, nomeadamente, Presidentes de Sindicatos com quem a Corrente se relaciona e membros do Conselho Nacional da CGTP-IN que ainda não fazem parte dos órgãos. 

A abertura do Congresso esteve a cargo do Secretário-Geral, Carlos Trindade, que saudou os presentes. 

Após a abertura foi apresentado pelo Fernando Gomes o regulamento de funcionamento do Congresso que após discussão foi aprovado por unanimidade. 

Carlos Trindade apresentou de seguida a resolução sobre a análise da situação politico-sindical e as posições e orientações da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN, findo a qual, se iniciou o debate.

 

23 outubro 2016

Conferência, Por uma Europa com trabalho decente e justiça social

A Fundação Friedrich Ebert, o Instituto Ruben Rolo e a Fundação Res Publica organizaram durante a manhã de hoje uma Conferência Internacional subordinada ao tema "Por uma Europa com trabalho decente e justiça social".

A abertura esteve a cargo de Reinhard Naumann, Director da Fundação Friedrich Ebert em Lisboa; Paulo Pedroso, representante da Res Publica e Carlos Trindade na qualidade de Presidente do Instituto Ruben Rolo.

A conferência contou com o oradores, José António Vieira da Silva, Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e Isabel Moreira, deputada do Partido Socialista.

Não podendo estar presente, enviou uma mensagem vídeo, Reiner Hoffmann, Presidente da Confederação dos Sindicatos Alemães (DGB).

O debate foi moderado por Fátima Carvalho, Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis, Lanifícios e Vestuário do Centro.

O encerramento da conferência esteve a cargo de Fernando Gomes em representação do Instituto Ruben Rolo.

22 outubro 2016

Conferência Internacional, Por uma Europa Dinâmica e Solidária

Decorreu hoje em Lisboa a Conferência Internacional "Por uma Europa Dinâmica e Solidária" que teve como oradores Margarida Marques, Secretária de Estado dos Assuntos Europeus; Gero Maas da Fundação Friedrich Ebert em Madrid e Claude Emmanuel Triomphe, ASTREES, Paris.

A abertura esteve a cargo do Director da Fundação Friedrich Ebert em Lisboa, Reinhard Naumann e Carlos Trindade do Instituto Ruben Rolo.

O debate foi conduzido por Brígida Vasquez Batista, Vice-Presidente do Sindicato dos Professores da Grande Lisboa (SPGL) e membro do Conselho Nacional da CGTP-IN e dos órgãos da Corrente Sindical Socialista da CGTP-IN.

O encerramento coube a Fernando Gomes do Instituto Ruben Rolo.